• Programa

    Mais célebre dos escritores russos, Fiódor Dostoiévski (1821-1881) exerce, até hoje, uma influência que vai muito além da literatura. Obras-primas como “Os Irmãos Karamázov”, “Crime e Castigo”, “O Idiota” e “Os Demônios” continuam sendo lidas e comentadas no mundo inteiro, e galvanizando as mentes de filósofos, cineastas, artistas plásticos e criadores das mais diversas áreas.

    A palestra vai mostrar algumas obras musicais diretamente inspiradas em textos de Dostoiévski, de compositores como Serguei Prokófiev (1891-1953), Leos Janácek (1854– 1928) e Mieczyslaw Weinberg (1919-1996), dentre outros. A atividade será ilustrada com trechos musicais, em vídeo, de cada uma das obras abordadas, além da leitura de excertos dos textos de Dostoiévski.

    Irineu Franco Perpetuo

    Jornalista e tradutor, colaborador da revista Concerto e jurado do concurso de música Prelúdio, da TV Cultura. Publicou, pela Editora Globo, a tradução, diretamente do russo, de dois livros de A. S. Púchkin: Pequenas Tragédias (2006) e Boris Godunov (2007). Traduziu ainda, diretamente do russo Memórias do Subsolo (Coleção Folha Grandes Nomes da Literatura, 2016), de Dostoiévski.

    Data: 20/05/2017, sábado
    Horário: das 17h30 às 19h30
    Local: Rua Dr. Plínio Barreto, 285 – 4º andar – Bela Vista, São Paulo

    *Retirada de ingressos a partir das 17h na Central de Atendimento do Centro de Pesquisa e Formação.