Um decreto do Império do Brasil cria o cargo de “Tradutor Jurado da Praça e Intérprete da Nação”